IDENTIFICAÇÃO DO NÍVEL DE EFICIÊNCIA NA PRODUÇÃO DE LAVOURAS PERMANENTES

uma aplicação DEA

Autores

  • Ingrid Schütz Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
  • Marco Antonio Alves de Souza Junior Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil

Palavras-chave:

Lavouras Permanentes, Eficiência, Análise Envoltória de Dados (DEA)

Resumo

Em um mundo cada vez mais globalizado, é inevitável o aumento da competitividade, inclusive no agronegócio. Considerado um país de alta representatividade neste segmento, é fundamental que o Brasil se torne cada vez mais produtivo na produção de Lavouras Permanentes. Uma das vertentes importantes neste setor é o setor de lavouras permanentes, principalmente pelo alto investimento e retorno a longo prazo. Aprimorar a eficiência deste setor traz benefícios para os proprietários, para o governo e demais membros da sociedade. Nesse sentido, o presente estudo visa mensurar a eficiência das unidades da federação no cultivo de lavouras permanentes. Para tanto utilizou-se a técnica de Análise Envoltória de Dados para mensuração dos níveis de eficiência das unidades da federação. Através do resultado fornecido, os interessados no tema poderão nortear o planejamento, considerando pontos relacionados ao aumento da eficiência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Referências

ARAÚJO, M. J. Fundamentos do agronegócio, São Paulo: Atlas, 2007.
BANKER, R. D.; CHARNES, A.; COOPER, W. W. Some Models for Estimating Technical and Scale Inefficiencies in Data Envelopment Analysis. Management Science, v. 30, n. 9, p. 1078-1092. 1984.
BRASIL. Ministério da agricultura, pecuária, e abastecimento. Plano agrícola e pecuário 2018/2019, 2018. Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br/assuntos/sustentabilidade/plano-agricola-e-pecuario> Acessado em 02/02/2019.
CHARNES, A.; COOPER, W. W.; RHODES, E. Measuring the efficiency of decision making units. European Journal of Operational Research, v. 2, n. 6, p. 429–444, 1978.
DUARTE, A. C. M. Proposta de boas práticas de operação que colaborem para a eficiência técnica das usinas de açúcar e etanol. 196f. Tese (Doutorado em Ciências) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (USP), Ribeirão Preto, 2017.
FALSARELLA JUNIOR, E. Análise das técnicas de fronteira na mensuração da eficiência em bancos: uma meta-análise. [s.l.] 2014. 104f. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (USP), Ribeirão Preto, 2015.
FARREL, M. J. The measurement of productive efficiency. Journal of the Royal Statistical Society, v. 120, n. 3, p. 253–290, 1957.
FELEMA, J.; RAIHER, A. P.; FERREIRA, C. R. Agropecuária brasileira: desempenho regional e determinantes da produtividade. Revista de Economia e Sociologia Rural, v.51, n.3, p. 555-574, jul/set 2013.

GASQUES, J. G.; BASTOS, E. T.; BACCHI, M. R. P.; VALDES, C. Produtividade total dos fatores e transformações da agricultura brasileira: análise dos dados dos Censos Agropecuários. In: 48º Congresso SOBER, Campo Grande, Mato Grosso do Sul, 2010.
GASQUES, J. G.; REZENDE, G. C.; VERDE, C. M. V.; SALERNO, M. S.; CONCEIÇÃO, J. C. P. R.; CARVALHO, J. C. S. Desempenho e Crescimento no agronegócio no Brasil. Texto para Discussão do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Rio de Janeiro: IPEA, nº 1009, 2004.
GASQUES, J. G.; BASTOS, E. T.; BACHI, M. P. R.; VALDES, C. Produtividade total dos fatores e transformação da agricultura brasileira: análise de dados dos censos agropecuários. In: XLVIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E SOCIOLOGIA RURAL. Campo Grande: SOBER, 2010.

JANK, M. S.; NASSAR, A. M.; TACHINARDI, M. H. Agronegócio e comércio exterior brasileiro. Revista USP, São Paulo, n. 64, p.14-27, 2005.

LACERDA, M. A. D.; LACERDA, R. D.; ASSIS, P. C. O. A participação da fruticultura no agronegócio brasileiro. Revista de Biologia e Ciências da Terra, v.4, n.1, 2004.
MARCUSSO, M. A. Conflito entre as abordagens de rentabilidade, intermediação e produção em bancos corporate brasileiros: uma análise DEA dois estágios entre 1996 e 2015. 93f. Dissertação (Mestrado em Ciências) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo (USP), Ribeirão Preto, 2017.
MOREIRA, D. A. Medidas da produtividade na empresa moderna. São Paulo: Pioneira, 1991.

ORTOLANI, A. A. Parâmetros Climáticos e Cafeicultura. Rio de Janeiro: IBC,1970.

PARETO, V. The new theories of economics. Journal of Political Economy, v. 5, n. 4, p. 485–502, 1897.
PEREIRA, C. N.; SILVEIRA, J. M. F. J. Análise Exploratória da Eficiência Produtiva das Usinas de Cana-de-açúcar na Região Centro-Sul do Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 54, n. 1, p. 147-166, 2016.
VICENTE, J. R. Produtividade total de fatores e a eficiência no setor de lavouras da agricultura brasileira. Revista de Economia e Agronegócio, v.9, n. 3, 2012.
VIEIRA FILHO, J. E. R.; GASQUES, J. C.; SOUSA, A. G. Agricultura e crescimento: cenários e projeções. Texto para Discussão do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Rio de Janeiro: IPEA, nº 1642 , 2011.

WILKINSON, J. Transformações e perspectivas dos agronegócios brasileiros. Revista Brasileiro de Zootecnia, v. 39, p. 26-34, 2010.

Publicado

30/06/2019

Como Citar

SCHÜTZ, I.; SOUZA JUNIOR, M. A. A. de. IDENTIFICAÇÃO DO NÍVEL DE EFICIÊNCIA NA PRODUÇÃO DE LAVOURAS PERMANENTES: uma aplicação DEA. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 16, n. 1, p. 702-714, 2019. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/index.php/interfacetecnologica/article/view/530. Acesso em: 26 out. 2020.

Edição

Seção

Pós-Graduação em Gestão da Produção Industrial