ELABORAÇÃO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DE CUSTOS E PRECIFICAÇÃO DE FRETES PARA PEQUENOS TRANSPORTADORES RODOVIÁRIOS DE CARGA

Autores

  • Mauro Leite Junior Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) –SP –Brasil
  • Marco Antonio Alves de Souza Junior Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) –SP –Brasil

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v16i2.628

Palavras-chave:

Gestão de Custos e Precificação, Prestador de Serviços, Cargas

Resumo

O objetivo deste trabalho é a apuração de todos os custos envolvidos, considerando a realidade das operações de transporte de carga rodoviário no Brasil, a fim de apresentar a implementação da Gestão de Custos e Precificação de fretes do segmento rodoviário de cargas. A pesquisa desenvolvida foi aplicada a um pequeno prestador de serviços no segmento mencionado, com resultados no que tange as operações e aspectos financeiros e econômicos considerados satisfatórios diante da gestão receita x despesas. Para tanto, a metodologia utilizada seguiu-se numa abordagem qualitativa, descritiva e exploratória, de revisão bibliográfica em autores consagrados na área, além de pesquisas em artigos científicos no Scielo e Google Acadêmico e revistas especializadas pela internet. Conclui-se que em linhas gerais, o trabalho ora desenvolvido pode proporcionar as partes interessadas uma gestão robusta e adequada as praticas alinhadas ao cenário de transporte rodoviário de cargas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ATKINSON, Anthony A. et al. Contabilidade gerencial. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

BARBOSA, C. et al. Gerenciamento de custos em projetos – 5. ed. rev. – Rio de Janeiro: Editora FGV, 2014.

BRASIL. AGENCIA NACIONAL DE TRANSPORTES TERRESTRES – ANTT. Disponível em:>http://www.antt.gov.br/salaImprensa/noticias/arquivos/2018/03/ANTT_lanca_rede_inteligente_de_mapeamento_logistico.html>. Acesso em: 16 ago. 2018.

BRASIL. CONFEDERAÇÃO NACIONAL DO TRANSPORTE – CNT. Disponível em: > https://www.cnt.org.br/home>. Acesso em: 16 ago. 2018.

BRUNI, A. L. et al. Gestão de Custos e Formação de Preços – 3. ed. rev. – São Paulo: Atlas, 2003.

CONFEDERAÇÃO NACIONAL DAS INDÚSTRIAS. Mapa estratégico da indústria 2018-2022 / Confederação Nacional da Indústria. – Brasília: CNI, 2018. 209 p.:il.

DOS REIS, N. Regulamentação do transporte rodoviário de cargas no Brasil e no Mundo, 2001. Disponível em: >www.ntcnet.org.br/regtrc>. Acesso em 17 ago. 2018.
FUCHS. Fundamentos da Logística Cadeia de Suprimentos – Disciplina MBA em Logística & Supply Chain Management FGV– 2016

MARTINS, S. Estudo da formação do frete rodoviário e potencial de conflitos em negociações. cadeias do agronegócio Brasileiro, vol. 10, n. 1, pp. 73-87, 2008. Disponível em: > http://revista.dae.ufla.br>. Acesso em: 29 set. 2018.
O RELATÓRIO DA COMPETIVIDADE GLOBAL DE 2018. WORLD ECONOMIC FORUN (WEF). Disponível em: > https://www.weforum.org/reports/the-global-competitveness-report-2018>. Acesso em: 16 ago. 2018.

QUALP CALCULE A SUA VIAGEM. Disponível em: > https://qualp.com.br/.> Acesso em: 16 ago. 2018.

RECESSÃO FEZ DESPENCAR NUMERO DE VIAGENS DE CAMINHÃO. Disponível em: >https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2018/06/recessao-fez-despencar-numero-de-viagens-de-caminhao.shtml>. Acesso em: 04 jun. 2018.

SILVA, E. L. MENEZES, E. M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. 3. ed. Florianópolis: Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, 2001.

TRANSPORTES DE CARGAS E A ENCRUZILHADA DO BRASIL PARA O FUTURO, POR ALEXANDRE LOBO. Disponível em: > http://www.ilos.com.br/web/tag/transporte-de-carga>. Acesso em: 13 maio 2018.

VALENTE, A. M. et al. Gerenciamento de transporte e frotas – 2. ed. rev. – São Paulo: Cengage Learning, 2014.

Downloads

Publicado

21/12/2019

Como Citar

LEITE JUNIOR, M.; SOUZA JUNIOR, M. A. A. de. ELABORAÇÃO DE PRÁTICAS DE GESTÃO DE CUSTOS E PRECIFICAÇÃO DE FRETES PARA PEQUENOS TRANSPORTADORES RODOVIÁRIOS DE CARGA. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 16, n. 2, p. 441–453, 2019. DOI: 10.31510/infa.v16i2.628. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/interfacetecnologica/article/view/628. Acesso em: 25 jun. 2022.

Edição

Seção

Pós-Graduação em Gestão da Produção Industrial