BENJAMIN E PROUST

tradução e apropriação da língua original

Autores

  • Erika Luiza Piza FCL-UNESP - Araraquara

Palavras-chave:

Língua pura, Fidelidade/liberdade, Incomunicabilidade, Tradução interlinear

Resumo

O presente trabalho aborda aspectos sobre o trabalho do tradutor do texto literário. Para sustentar tal abordagem apoiamo-nos nos textos filosóficos de Walter Benjamim. Também procuramos estabelecer a aproximação da “tarefa” do tradutor à do escritor do texto literário; para tanto embasamo-nos em texto de Marcel Proust.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

-

Publicado

01/07/2006

Como Citar

PIZA, E. L. BENJAMIN E PROUST: tradução e apropriação da língua original. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 3, n. 1, p. 159-168, 2006. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/index.php/interfacetecnologica/article/view/418. Acesso em: 5 ago. 2020.

Edição

Seção

Tecnologia em Comunicação