TRABALHO REMOTO E SUAS IMPLICAÇÕES NA SAÚDE DO TRABALHADOR

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v20i2.1809

Resumo

O presente artigo teve como objetivo discutir, por meio de revisão sobre o tema, os impactos do teletrabalho na saúde física e mental dos trabalhadores, considerando eventos históricos como a pandemia de COVID-19 e a revolução tecnológica da Indústria 4.0. A pandemia foi um fator decisivo que impulsionou significativamente a adoção do trabalho remoto, ressaltando a importância da flexibilidade no ambiente profissional. A revolução tecnológica da Indústria 4.0 está transformando a natureza do trabalho e a conectividade global. Embora o trabalho flexível ofereça oportunidades significativas, também apresenta desafios, como a expectativa de disponibilidade constante, falta de segurança no emprego e a necessidade de adaptação contínua às mudanças tecnológicas. À medida que a sociedade se ajusta a essas mudanças, é crucial encontrar um equilíbrio eficaz entre os benefícios e desafios para garantir que os novos modelos de trabalho sejam uma influência positiva. Finalmente, enfatiza-se a importância de garantir o direito à desconexão como um elemento fundamental para a proteção dos direitos básicos dos trabalhadores, com ênfase no direito à saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ANTUNES, Ricardo. Mais trabalho! A intensificação do labor na sociedade contemporânea. 2ª reimpressão.São Paulo: Boitempo, 2015.

ANTUNES, Ricardo. Os sentidos do trabalho: ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho, 2ª edição. São Paulo, SP: Boitempo, 2009.

ANTUNES, Ricardo. Privilégio da servidão: O novo proletariado de serviços na era digital, 1ª edição. São Paulo, SP: Boitempo, 2018.

BAHKIR, Fayiqa Ahamed; GRANDEE Srinivasan Subramanian. Impact of the COVID-19 lockdown on digital device-related ocular health. In: Indian J Ophthalmol. 2020/Nov; 68. Disponível em: https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/33120622/. Acesso em: 20 de set. 2023. DOI: https://doi.org/10.4103/ijo.IJO_2306_20

BUOMPRISCO, Giuseppe; RICCI, Serafino; PERRI, Roberto; DE SIO, Simone. Health and telework: new challenges after COVID-19 pandemic. In: European Journal of Environmente and Public Health, v. 5, 2021. Disponível em: <https://www.ejeph.com/article/health-and-telework-new-challenges-after-covid-19-pandemic9705>. Acesso em: 20 de set. 2023. DOI: https://doi.org/10.21601/ejeph/9705

FERREIRA, Vanessa Rocha; AGUILERA, Raissa Maria Fernandez Nascimento. Os impactos do teletrabalho na saúde do trabalhador e o direito à desconexão laboral. Revista do Direito do Trabalho e Meio Ambiente do Trabalho | e-ISSN: 2525-9857 | Encontro Virtual | v. 7 | n. 1 | p. 24 – 43 | Jan/Jul. 2021. Disponível em:. Acesso em: 13/09/2023. DOI: https://doi.org/10.26668/IndexLawJournals/2525-9857/2021.v7i1.7564

FERREIRA, Vanessa Rocha; ROCHA, Claudio da Rocha; FERREIRA, Versalhes. O direito à desconexão e o dano existencial: a importância da sustentabilidade emocional do ser humano. In: Revista Direitos Sociais e políticas públicas, v. 8, n.2, mai.- ago./2020, p. 439- 471. Disponível em: http://www.unifafibe.com.br/revista/index.php/direitos-sociais-politicaspub/article/view/738/pdf. Acesso em: 17 set. 2023. DOI: https://doi.org/10.25245/rdspp.v8i2.738

FILGUEIRAS, L. M. F. (2019). Trabalho flexível: desafios e possibilidades para a organização do trabalho. In: Anais do VIII Congresso Nacional de Excelência em Gestão. Rio de Janeiro: UFF.

FRANCO, Tânia; DRUCK, Graça; EDITH, SELIGMANN-SILVA. As novas relações de trabalho, o desgaste mental do trabalhador e os transtornos mentais no trabalho precarizado. In: Revista Brasileira Saúde Ocupacional, v. 35, n. 122, 2010, p. 229-248. https://doi. org/10.1590/S0303-76572010000200006. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid =S0303-76572010000200006 >. Acesso em: 25 ago 2023 DOI: https://doi.org/10.1590/S0303-76572010000200006

GIDDENS, Anthony. As consequências da modernidade, 5ª reimpressão. São Paulo, SP: Editora UNESP, 1991.

GUERIN, T. F. Policies to minimise environmental and rebound effects from telework: A study for Australia. Environmental Innovation and Societal Transitions, 2021. DOI: https://doi.org/10.1016/j.eist.2021.01.003

HARVEY, David. Condição pós-moderna: Uma pesquisa sobre as origens da mudança cultural, 17ª edição. São Paulo, SP: Edições Loyola. 2008.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Teletrabalho em tempos de pandemia – avaliação dos impactos para os trabalhadores. 2020. Disponível em: https://assibge.org.br/confira-a-pesquisa-sobre-teletrabalho-no-ibge/. Acesso em: 17 set. 2023.

JOSÉ FILHO, Wagson. Laborosfera: apontamentos para uma (res)significação do meio ambiente do trabalho digno e sustentável. In: Revista do Tribunal Superior do Trabalho: ano 86, nº2, abr./jun. 2020, p. 223-241. Disponível em: https://juslaboris.tst.jus.br/handle/20.500.12178/176136. Acesso em: 17 set. 2023.

NOGUEIRA, A. M.; PATINI, A. C. Trabalho remoto e desafios dos gestores. Innovation and Management Review, v. 9, n. 4, p. 121-152, 2012. DOI: https://doi.org/10.5773/rai.v9i4.800

OLIVEIRA, Luís Paulo Ferraz de; TOURINHO, Luciano de Oliveira Souza. Síndrome de Burnout, teletrabalho e revolução tecnológica: um estudo do adoecimento profissional em tempos de Covid-19. In: Revista Jurídica Trabalho e Desenvolvimento Humano, v. 3, 17 dez. 2020. Disponível em: http://www.revistatdh.org/index.php/RevistaTDH/article/view/83. Acesso em: 17 set. 2023. DOI: https://doi.org/10.33239/rjtdh.v3.83

ROSSO, Sadi Dal. O ardil da flexibilidade: os trabalhadores e a teoria do valor. São Paulo: Boitempo, 2017

SCHWAB, Klaus. A quarta revolução industrial, 1ª edição. São Paulo, SP: Edipro, 2016.

SILVA, Laertes Gomes da. “Zoom Fatigue”: O impacto do regime de ensino a distância de emergência na saúde dos docentes em teletrabalho. Dissertação apresentada no Mestrado Integrado em Psicologia – Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação. Porto, p.13, 2021.

STANDING, Guy. O precariado: a nova classe perigosa. 1º edição. Belo Horizonte: Autêntica editora, 2017.

Downloads

Publicado

20/12/2023

Como Citar

SOUSA, D. D. S. .; CAMMAROSANO, M. TRABALHO REMOTO E SUAS IMPLICAÇÕES NA SAÚDE DO TRABALHADOR. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 20, n. 2, p. 492–503, 2023. DOI: 10.31510/infa.v20i2.1809. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/interfacetecnologica/article/view/1809. Acesso em: 30 maio. 2024.

Edição

Seção

Tecnologia em Gestão Empresarial

Métricas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)