BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO: UM ENFOQUE NA NBR ISO 22.000

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v18i2.1241

Palavras-chave:

BPF, Qualidade, Cliente

Resumo

As empresas que buscam entrar no mercado ou manter-se no mesmo, precisam estar atentas as necessidades dos clientes, buscando dentro desta perspectiva, todos os meios para que o alcance qualidade dos produtos ou serviços seja a prioridade. Inovar e se adequar as mudanças do mercado é uma estratégia muito importante. Considerando a importância da qualidade como fator propulsor para a satisfação dos clientes e promotora do sucesso das empresas, o objetivo deste estudo é evidenciar como as Boas Práticas de Fabricação (BPF) especificamente a NBR ISO 22.000 e como são importantes para a produção do setor alimentício com qualidade e segurança. A metodologia utilizada para este estudo foi de revisão bibliográfica, com consultas em artigos dispostos online. Os resultados encontrados mostram a adequação das BPF nas empresas é um fator de grande importância. No entanto estudo realizados por alguns autores, mostram que nem sempre as empresas e seus colaboradores levam com seriedade o uso das BPF, fator que acaba por prejudicar o contexto da qualidade e segurança, fator de impacto negativo ainda mais por se tratar de indústrias de produtos alimentícios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ABNT. Sistemas de gestão de segurança de alimentos. São Paulo: ABNT, 2019. Disponível em: http://www.abnt.org.br/noticias/6322-sistemas-de-gestao-de-seguranca-de-alimentos. Acesso em: 20 ago. 2021.

BATALHA, M. O. et al. Gestão agroindustrial GEPAI: grupo de estudos e pesquisas agroindustriais. 3. ed. 2. reimpr. São Paulo: Atlas, 2008.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Cartilha sobre boas práticas para serviços de alimentação: RDC nº 216/2004. Brasília, 2004.

BRASIL. Portaria nº 1.428, de 26 de novembro de 1993. Regulamento Técnico Para Inspeção Sanitária de Alimentos. Diretrizes para o Estabelecimento de Boas Práticas de Produção e de Prestação de Serviços na Área de Alimentos. Regulamento Técnico para o Estabelecimento de Padrão de Identidade e Qualidade (PIQ's) para Serviços e Produtos na Área de Alimentos. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 02 dez.1993. Seção 1.Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/1993/prt1428_26_11_1993.html. Acesso em: 2 ago. 2021.

BRASIL. Portaria SVS/MS nº 326, de 30 de julho de 1997. Regulamento Técnico sobre as Condições Higiênico-sanitárias e de Boas Práticas de Fabricação para Estabelecimentos Produtores/Industrializadores de Alimentos. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 01 ago. 1997. Seção 1.

BSI. A ISO 22.000. 2021. Disponível em: https://www.bsigroup.com/pt-BR/Normas/. Acesso em: 20 ago. 2021.

BUZINARO, D. V. C.; GASPAROTTO, A. M. S. Como a implementação das boas práticas de fabricação (BPF) auxiliam a competitividade e a qualidade em uma indústria. Revista Interface Tecnológica. v. 16, n. 2, p. 371-382. 2019. Disponível em: https://doi.org/10.31510/infa.v16i2.662. Acesso em: 2 ago. 2021. DOI: https://doi.org/10.31510/infa.v16i2.662

CARNEIRO, M. B.; LIZARELLI, F. L.; TOLEDO, J. C. A. de. Proposta de Implantação de ISO 22000:2019 em uma empresa fabricante de embalagens: Complementaridades com a ISO 9001:2015. XXVII Simpósio de Engenharia de Produção. 2020. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/346717696_Proposta_de_implantacao_da_ISO_220002019_em_uma_empresa_fabricante_de_embalagens_Complementariedades_com_a_ISO_90012015. Acesso em: 12 ago. 2021.

COCA-COLA. O que faz com que a Coca-Cola tenha a mesma qualidade em todo o mundo? 2020. Disponível em: https://www.cocacolaportugal.pt/conhece-nos/informacao-corporativa/qualidade-coca-cola. Acesso em: 20 ago. 2021.

ISO. The History of ISO. 2018. Disponível em: https://www.iso.org/about-us.html#12. Acesso em: 20 ago. 2021.

JUNIOR, I. M.; CIERCO, A. A.; ROCHA, A. V.; MOTA, E. B. Gestão da Qualidade. 6ª ed. Rio de Janeiro: FGV, 2005, p. 1-164.

MACHADO, R. L. P.; DUTRA, A. de S.; PINTO, M. S. V. Boas Práticas de Fabricação (BPF). 2015. Disponível em: https://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/132846/1/DOC-120.pdf. Acesso em: 2 ago. 2021.

MAXIMIANO, A. C. A. Teoria Geral da Administração: da revolução urbana à revolução digital. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 2010, p. 1-86.

MELLO, Y. A. de. Análise do processo de implantação das Boas Práticas de Fabricação (BPF): caso do restaurante Mello. 2016. Disponível em: https://bibliodigital.unijui.edu.br:8443/xmlui/handle/123456789/4264. Acesso em: 10 ago. 2021.

MOYANO, P. FSSC ISO 22000: Segurança dos Alimentos. 2017. Disponível em: https://certificacaoiso.com.br/iso-22000/. Acesso em: 20 ago. 2021.

PALADINI, E. P. Gestão da qualidade: teoria e prática. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

PĂUNESCU, C.; ARGATU, R.; LUNGU, M. Implementation of ISO 22000 in Romanian companies: Motivations, difficulties and key benefits. Amfiteatru Economic. v. 20, n. 47, p. 30–45. 2018. Disponível em: http://repositorio.uac.edu.co/bitstream/handle/11619/3849/ESTRATEGIAS%20DE%20MEJORAMIENTO%20EN%20LA%20CAFETER%C3%8DA%20DE%20LA%20UNIVERSIDAD%20DEL%20ATL%C3%81NTICO%20BASADO%20EN%20LA%20NORMA%20ISO%2022000%202005.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 10 ago. 2021.

PEREIRA FILHO, W. R.; BARROCO, R. Gestão da qualidade na indústria farmacêutica. In: OLIVEIRA, O. J. (org.) Gestão da qualidade: tópicos avançados. São Paulo: Thompson. cap.15. p.211-215., 2004.

PEREIRA, W.B.B; ZANARDO, V.P.S. Gestão de Boas Práticas em uma Cantina Escolar. Revista Vivências, v.16, n.30, p.193-200, 2020. Disponivel em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BRJD/article/view/12477. Acesso em: 10 ago. 2021. DOI: https://doi.org/10.31512/vivencias.v16i30.152

PURWANTO, A. et al. The Effect of Implementation Integrated Management System ISO 9001, ISO 14001, ISO 22000 and ISO 45001 on Indonesian Food Industries Performance. Test Engineering & Management, v. 82, n. 1, p. 14054–14069, 2020. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/346717696_Proposta_de_implantacao_da_ISO_220002019_em_uma_empresa_fabricante_de_embalagens_Complementariedades_com_a_ISO_90012015. Acesso em: 10 ago. 2021.

ROCHA, J. M. da.; ROCHA, R. A. da.; WEISE, A.; SCHULTZ, C. A. ISO 22000: Gestão da segurança de alimentos. Revista ADMpg Gestão Estratégica, Ponta Grossa, v. 2, n. 2, p.59-66, 2009. Disponível em: http://www.admpg.com.br/revista2009/v2/artigos/a07.pdf. Acesso em: 12 ago. 2021.

SILVA, M.M.; FONSECA, L.M.; SOUSA, S.D. The Impact of ISO 9001:2015 on ISO 22000 and Food Safety Management Systems (FSMS). Food Safety Management, v. 17, n. 152, p. 81–86, 2016. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/346717696_Proposta_de_implantacao_da_ISO_220002019_em_uma_empresa_fabricante_de_embalagens_Complementariedades_com_a_ISO_90012015. Acesso em: 10 ago. 2021.

SILVA FILHO, C. R. da.; CARDOSO, L. C.; BRITO, T. S.; MANDL, A. R. M. O. A Aplicabilidade das ferramentas da gestão da qualidade nas operações logísticas. 2019. X Fateclog logística 4.0 & a sociedade do conhecimento. Disponível em: https://fateclog.com.br/anais/2019/A%20APLICABILIDADE%20DAS%20FERRAMENTAS%20DA%20GEST%C3%83O%20DA%20QUALIDADE%20NAS%20OPERA%C3%87%C3%95ES%20LOG%C3%8DSTICAS.pdf. Acesso em: 20 ago. 2021.

TOMICH, R. G. P.; TOMICH, T. R.; AMARAL, C. A. A.; JUNQUEIRA, R. G.; PEREIRA, A. J. G. Metodologia para a Avaliação das Boas Práticas de Fabricação em Indústrias de Pão de Queijo. Ciênc. Tecnol. Aliment., Campinas, v. 25, n. 1, p. 115-120, 2005. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cta/a/48df5nt6bS9BKqKg8Qwbvmx/?format=pdf&lang=pt#:~:text=As%20Boas%20Pr%C3%A1ticas%20de%20Fabrica%C3%A7%C3%A3o,SVS%2FMS%20%5B7%5D. Acesso em: 2 ago. 2021.

VERONEZI, C. T.; CAVEIÃO, C. A importância da implantação das boas práticas de fabricação na indústria de alimentos. Revista Saúde e Desenvolvimento, v. 8, n. 4, p. 90-103.2005.

Downloads

Publicado

20/12/2021

Como Citar

LUIZ JUNIOR, M.; RODOLPHO, D. BOAS PRÁTICAS DE FABRICAÇÃO: UM ENFOQUE NA NBR ISO 22.000 . Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 18, n. 2, p. 626–638, 2021. DOI: 10.31510/infa.v18i2.1241. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/interfacetecnologica/article/view/1241. Acesso em: 26 nov. 2022.

Edição

Seção

Tecnologia em Produção Industrial

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>