CONEXÃO ENTRE MARCAS DE CERVEJA E CONSUMIDORES

a importância das comunicações para estabelecer um relacionamento mais profundo com o público

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v17i2.962

Palavras-chave:

Marcas de cerveja, Comunicação, Gestão de Marcas, Relacionamento

Resumo

A imagem e os significados de uma marca são construídos mediante a interação do público com cada um de seus pontos de contato, o que inclui não apenas anúncios publicitários, mas também as experiências em lojas, o consumo de produtos, a interação em eventos, o investimento em causas sociais e muito mais. Posto desta forma, este estudo procura avaliar a importância das comunicações para marcas de cerveja, verificando se os consumidores são influenciados por suas ações e, com isso, se relacionam mais profundamente a elas. Na fundamentação teórica, apresenta a importância das comunicações, demonstrando que a publicidade não é o único recurso para se conectar ao público e estabelecer uma boa imagem de marca. Depois, a fim de constatar os conceitos estudados, propõe uma pesquisa qualitativa, por meio de entrevistas em profundidade a consumidores de três cervejas populares no Brasil, que são a Brahma, Heineken e Corona, a fim de avaliar se eles são impactados pelas ações e comunicações destas marcas. O que se percebe, a partir deste estudo, é que quanto mais as marcas investirem em comunicação, ações e experiências, mais podem conquistar a preferência dos indivíduos, que não apenas consomem seus produtos, mas as preferem pelos valores que expressam e defendem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CONAR. Códigos e Anexos – Anexo A: bebidas alcoólicas. CONAR, s.d. Disponível em: < http://www.conar.org.br/codigo/codigo.php >. Acesso em: 2 set. 2020.

DEL VECHIO, Gustavo H. Conexão emocional entre marcas e clientes: análise de confiabilidade no mercado comercial. Tese de Doutorado. São Bernardo do Campo: Universidade Metodista de São Paulo, 2018.

DUARTE, Jorge. Entrevista em profundidade. IN: DUARTE, Jorge; BARROS, Antonio (orgs). Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. 2 ed. São Paulo: Atlas, 2017.

GIL, Filipe. Sabem o que é uma Beer Cave? Blog LIAM, 15 fev. 2018. Disponível em: < https://bit.ly/33Yxeab >. Acesso em: 25 set. 2020.

KHAUAJA, Daniela M. R.; PRADO, Karen P. L. A.; Contextualização das marcas. IN: SERRALVO, Francisco A. (org). Gestão de marcas no contexto brasileiro. São Paulo: Saraiva, 2008.

KLEIN, Naomi. Sem logo: a tirania das marcas em um planeta vendido. 7 ed. Rio de

Janeiro: Record, 2009.

KOTLER, Philip; HESSEKIEL, David; LEE, Nancy. Boas ações: uma nova abordagem empresarial. Rio de Janeiro: Elsevier, 2012.

KOTLER, Philip; KARTAJAYA, Hermawan; SETIAWAN, Iwan. Marketing 4.0: do tradicional ao digital. Rio de Janeiro: Sextante, 2017.

LAPORTA, Taís. Brasil é o 10º maior mercado de vodca, a bebida 'anfitriã' da Copa. G1, 30 jun. 2018. Disponível em < https://glo.bo/3i3NlrN >. Acesso em: 25 set. 2020.

MERCADO de cerveja artesanal cresce em 2019 e número de cervejarias aumenta 30% no primeiro trimestre de 2020. Terra, 18 ago. 2020. Disponível em: < https://bit.ly/2FYPMyY >. Acesso em: 25 set. 2020.

MOREIRA JR., Sebastião. Regulamentação da publicidade das bebidas alcoólicas. Senado Federal – Publicação e Documentação, 2005. Disponível em: < https://bit.ly/31SOUUT >. Acesso em: 2 set. 2020.

QUESSADA, Dominique. O poder da publicidade na sociedade consumida pelas marcas: como a globalização impõe produtos, sonhos e ilusões. São Paulo: Futura, 2003.

SEMPRINI, Andrea. A marca pós-moderna: poder e fragilidade da marca na sociedade contemporânea. 2 ed. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2010.

Downloads

Publicado

18/12/2020

Como Citar

FÁVERO DE SOUZA, H.; DEL VECHIO, G. H. CONEXÃO ENTRE MARCAS DE CERVEJA E CONSUMIDORES: a importância das comunicações para estabelecer um relacionamento mais profundo com o público . Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 17, n. 2, p. 903-916, 2020. DOI: 10.31510/infa.v17i2.962. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/index.php/interfacetecnologica/article/view/962. Acesso em: 16 abr. 2021.

Edição

Seção

Tecnologia em Comunicação