AS MELHORES PRÁTICAS DO LEAN MANUFACTURING NA INDÚSTRIA ALIMENTÍCIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v20i1.1690

Palavras-chave:

Lean Manufacturing, Indústria Alimenticia, Seis Sigma

Resumo

O Lean Manufacturing é uma metodologia que visa minimizar o desperdício dentro do sistema de manufatura e ao mesmo tempo aumentar a produtividade. Essa abordagem é baseada no Sistema Toyota de Produção. Os princípios Lean influenciam os conceitos de manufatura em todo o mundo. Justifica-se essa pesquisa pois abordar uma empresa da área alimentícia que trabalha com os conceitos Lean e abordar a realidade de empresas que podem ser exemplos para outras empresas em relação à produtividade, aprendizado e redução de custos. O objetivo dessa pesquisa é estudar as melhores práticas do Lean Manufacturing adotadas na Indústria Alimentícia. A metodologia utilizada nesta pesquisa foi a pesquisa bibliográfica. Ao final foi constatado que a utilização de práticas do Lean Manufacturing, tais como o Kanban, o MFV e o Kaizen gera resultados muito positivos que faz com que a empresa crescer e se destacar no mercado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ABIA – Associação Brasileira da Indústria de Alimentos – Disponível em:< https://www.abia.org.br/numeros-setor > Acesso em 04 jun 2023.

CORRÊA, H. L., GIANESI, I. G. N. Just in Time, MRP II e OPT: um enfoque estratégico. 2ª Ed. São Paulo: Atlas, 1993.

CURTI, A. R.; CAMPOS, R. R. de. SISTEMA KANBAN COMO MECANISMO DE CONTROLE DE PROCESSOS: aplicação no procedimento de limpeza CIP em equipamentos de uma indústria alimentícia. Revista Interface Tecnológica, v. 15, n. 2, p. 208–219, 2018. DOI: https://doi.org/10.31510/infa.v15i2.468

DOMENECH, Carlos H. Formação de Black Belts: A Estratégia Lean Seis Sigma de Melhoria Contínua. MI Domenech Consultoria, São Paulo, SP: 2012.

DHONGADE, P. M.; SINGH, M.; SHROUTY, V. A. A review: literature survey for the implementation of Kaizen. International Journal of Engineering and Innovative techonology (IJEIT), v.3, n.1, p.57-60, 2013

ECKES, G. A revolução Seis Sigma: o método que levou a GE e outras empresas a transformar processos em lucro. Tradução Reynaldo Cavalheiro Marcondes. Rio de Janeiro: Campus, 2001. 272 p.

LACERDA, D.P; DRESCH, A.; PROENÇA, A; ANTUNES JUNIOR, J.A.V. Design Science Research: método de pesquisa para a engenharia de produção. Gestão & Produção, São Carlos, v. 20, n. 4, p. 741-761, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S0104-530X2013005000014

MOURA, R. A. Kanban: A Simplicidade do Controle de Produção. 7ª ed. São Paulo: IMAM, 2007.

MIGUEL, P.A.C. Estudo de caso na engenharia de produção: estruturação e recomendações para a sua condução. Produção, São Carlos, v 17, nº 1, p. 216 – 229, janeiro/abril 2007. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-65132007000100015

OLIVEIRA, T.C.S. Controle de estoque através do kanban eletrônico. Recife: Universidade Federal de Pernambuco, 2012 p.29-34. Mestrado (Dissertação) - Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica - Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2012.

PACE, J. H. O Kanban na Prática. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2003.

ROSA, A.F.P.; SOUZA, R.S.; ROYÉR, R. Roteiro para Aplicação do Lean Seis Sigma na Melhoria dos Processos Industriais. Revista Gestão Industrial. v.15, nº1, p. 86-100, 2019. DOI: https://doi.org/10.3895/gi.v15n1.8056

ROTHER, M.; SHOOK, J. Aprendendo a enchergar: mapeando o fluxo de valor para agregar valor e eliminar o desperdício. 1ª Edição. São Paulo: Lean Institute Brasil, 2003.

SANTOS, A.B.; MARTINS; M.F. Contribuições do Seis Sigma: Estudo de Caso em Multinacionais, Produção, v. 20, nº1, p.42-53, 2010. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-65132010005000003

SANTOS, Tamiris Misael; RODRIGUES, Roger Antônio. KAIZEN E 5S: estudo e aplicação em uma indústria alimentícia. -, 2017

SANTOS, GL, RIBEIRO, SL, LEAL, F., QUEIROZ, JA, ROCHA, F. Aplicação do mapeamento do fluxo de valor integrado à simulação a eventos discretos para identificar desperdícios em uma fábrica de laticínios. XLVI Simpósio Brasileiro de Pesquisa Operacional. Salvador, p. 16-19, 2014.

SILVA, E.M.; GONZALEZ JUNIOR, I.P. A Importância do Lean Seis Sigma: Um Estudo de Caso da Nestlé do Brasil Ltda – Unidade Feira de Santana – BA. Revista Formadores: vivências e estudos. v.15, nº1, p.43-57, 2022.

SILVA, M.M.; CAMPAROTTI, C.E.S.; ENAMI, L.M.; GUEDES, K.; REIS, B.L.; ORDENO, T.S.B. Aplicação da Metodologia Seis Sigma para Melhoria Contínua da Qualidade em uma Indústria Alimentícia. Revista Produção Online, v. 20, nº 2, p. 546-574, 2020. DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v20i2.3622

TUBINO, D. F. Planejamento e Controle da Produção: teoria e prática. 2ª ed. São Paulo: Atlas, 2009.

VERGARA, S.C.. Projetos e Relatórios de Pesquisa em Administração. 3ª Edição. São Paulo: Atlas, 2000.

WERKEMA, M. C. C. Criando a cultura lean seis sigma. Elsevier Brasil, 2013.

MARTINS, Estefania. Entenda Como Garantir e Segurança e Qualidade na Indústria de Alimentos. 2021. Disponível em: https://blog-pt.checklistfacil.com/industria-de-alimentos/#:~:text=A%20ind%C3%BAstria%20de%20alimentos%20%C3%A9,de%20toda%20a%20produ%C3%A7%C3%A3o%20agropecu%C3%A1ria. Acesso em 13/03/2023

Downloads

Publicado

30/06/2023

Como Citar

GASPAROTTO, A. M. S.; BORSARI, J. V. AS MELHORES PRÁTICAS DO LEAN MANUFACTURING NA INDÚSTRIA ALIMENTÍCIA. Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 20, n. 1, p. 697–707, 2023. DOI: 10.31510/infa.v20i1.1690. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/interfacetecnologica/article/view/1690. Acesso em: 18 maio. 2024.

Edição

Seção

Tecnologia em Produção Industrial

Métricas

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2 3 4 > >>