[1]
J. H. T. de Jesus e R. R. Martins, “ARQUITETURAS MONOLÍTICAS E MICROSERVIÇOS AUSENTE DE SERVIDOR: um estudo comparativo”, INFA, vol. 18, nº 1, p. 193-205, jul. 2021.