ESTRATÉGIAS COMPETITIVAS NA INDÚSTRIA DE COSMÉTICOS

  • Jaqueline Aparecida Florêncio Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
  • Ronaldo Ribeiro de Campos Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
Palavras-chave: Estratégia, Competitividade, Tecnologia, Segmentação, Sustentabilidade

Resumo

O aumento da expectativa de vida, em conjunto com a saúde e o desejo em manter uma aparência mais jovial, tornou o setor de cosméticos um dos mais promissores e competitivos. Desta forma, as empresas vêm se reformulando e adotando diversos tipos de estratégias, dentre elas a pesquisa a nível bibliográfico apresentou três vertentes: Inovação Tecnológica, Segmentação e Sustentabilidade. A etapa de revisão bibliográfica foi conduzida, por meio de análise nas páginas web das empresas líderes de mercado no setor e pela identificação dos tipos de estratégias de segmentação que essas empresas tornaram mais explícitas. Como resultado principal, foi possível perceber que as organizações tendem a fazer uso de uma combinação de estratégias e que isso ocorre independentemente do tempo de atuação no mercado, apontando essa característica como uma possível condição para manutenção das empresas na liderança do mercado cosmético, ressaltando a importância das escolhas dessas estratégias.

Publicado
30/06/2019
Como Citar
FLORÊNCIO, J. A.; CAMPOS, R. R. ESTRATÉGIAS COMPETITIVAS NA INDÚSTRIA DE COSMÉTICOS. Revista Interface Tecnológica, v. 16, n. 1, p. 653-666, 30 jun. 2019.
Seção
Tecnologia em Produção Industrial