AS DIFICULDADES DE GERENCIAMENTO DE UM TIME SCRUM ACADÊMICO PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM SOFTWARE PARA ENTIDADES FILANTRÓPICAS

  • Pedro Cassone Rodrigues de Campos Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil https://orcid.org/0000-0002-0726-2148
  • Daniela Gibertoni Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
Palavras-chave: Engenharia de Software. Desenvolvimento ágil. Scrum. Cultura ágil

Resumo

O desenvolvimento de produtos software sem o auxílio de uma metodologia específica, pode vir a acarretar falta de qualidade e problemas ao decorrer do projeto. Para tanto, este artigo apresenta um estudo de caso que visa investigar as principais dificuldades de gestão de uma equipe Scrum para o desenvolvimento de um sistema que faz doações para entidades filantrópicas. Este estudo de caso foi realizado pelo Grupo de Pesquisa em Engenharia de Software – GPES da Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga em parceria com uma empresa de desenvolvimento. Conseguiu-se concluir que as metodologias ágeis pouco têm de novo, porém, quando se diz respeito ao seu enfoque, consegue-se notar que ele muda totalmente, de processos para as pessoas. As metodologias ágeis não mudam somente o enfoque, mas também mudam a maneira de como se passa a enxergar os processos envolvidos em projetos, uma observação final sobre a utilização do Scrum no GPES.

Publicado
30/12/2018
Como Citar
CASSONE RODRIGUES DE CAMPOS, P.; GIBERTONI, D. AS DIFICULDADES DE GERENCIAMENTO DE UM TIME SCRUM ACADÊMICO PARA O DESENVOLVIMENTO DE UM SOFTWARE PARA ENTIDADES FILANTRÓPICAS. Revista Interface Tecnológica, v. 15, n. 2, p. 86-98, 30 dez. 2018.
Seção
Tecnologia em Informática