O COACHING COMO ESTRATÉGIA DE AUMENTO DO DESEMPENHO DO CAPITAL HUMANO NAS ORGANIZAÇÕES

  • Jenifer Lucas Gonçalves Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
  • Guilherme Augusto Malagolli Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga (FATEC) – SP – Brasil
Palavras-chave: Capital Humano, Organizações, Desempenho, Vantagem Competitiva

Resumo

A busca por inovações tecnológicas está frequentemente associada ao aumento de eficiência de máquinas e equipamentos, no entanto raramente o capital humano das organizações é visto como fonte de inovação na mesma proporção do capital físico. Mesmo assim, a pressão por atingir metas e resultados é uma constante no cotidiano dos funcionários de uma empresa. Neste contexto, o Coaching se coloca como uma prática que busca desbloquear o potencial das pessoas para aumentar o seu desempenho, este artigo tem por objetivo principal analisar a prática com Coaching como fator de aumento de competitividade nas organizações. Como objetivo secundário, busca-se identificar a aceitação do Coaching como método reconhecido e eficaz por parte das empresas. Para isso, a metodologia do artigo está pautada em uma pesquisa qualitativa, de caráter exploratório e analítico, que buscou através de entrevistas com profissionais do Coaching e com empresários para atingir os objetivos propostos. Como resultado, notou-se que o Coaching aborda de forma eficaz temas que frequentemente são causadores de stress no dia a dia das organizações e, assim, causadores de queda de desempenho. Porém, a prática do Coaching ainda é vista como uma novidade por parte dos empresários, que apresentam certa resistência à adoção desta prática nas empresas. 

Publicado
30/12/2018
Como Citar
GONÇALVES, J. L.; MALAGOLLI, G. A. O COACHING COMO ESTRATÉGIA DE AUMENTO DO DESEMPENHO DO CAPITAL HUMANO NAS ORGANIZAÇÕES. Revista Interface Tecnológica, v. 15, n. 2, p. 276-288, 30 dez. 2018.
Seção
Tecnologia em Produção Industrial