MANEJO ECOLÓGICO DO SOLO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.31510/infa.v18i1.1105

Palavras-chave:

Meio Ambiente, Sustentabilidade, Agricultura, Agroecologia

Resumo

É importante realizar um manejo ecológico para o solo, o produtor deve pensar seriamente na forma em que escolher produzir alimentos, apostar em práticas agroecologicamente corretas vai possibilitar inúmeros benefícios e vantagens. O objetivo do presente trabalho foi demonstrar os benefícios que estão enquadrados ao realizar um manejo ecologicamente correto, tanto para o agricultor e a agricultura, para os recursos naturais como para a saúde também. A ausência desse cuidado ao solo, acarreta em inúmeros danos ambientais, e a agroecologia vem com o intuito de mudar essa realidade, tendo como um dos seus principais objetivos a conservação do meio ambiente, dos recursos naturais e a superação de danos sociais e biodiversos que a agricultura convencional acarreta. Esse manejo vai oferecer ao produtor uma boa produtividade, proporcionando ao mesmo tempo um rendimento satisfatório econômico, colaborando para o equilíbrio ecológico e manutenção do potencial produtivo do solo também, já que ele possui elementos minerais que são fundamentais para as plantas, e que vão influenciar significativamente o produto que será extraído.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALCÂNTARA, F. A. Manejo agroecológico do solo. Embrapa, Goiás, p. 7-25, 2017.

SOUZA, T. A. F. et al. Solos em Sistemas Agroecológicos. Universidade federal da paraíba, areia, pb, 2017, p. 5-175.

ARAÚJO, J. F.; SANTOS, C. D. A. S. M.; LOPES, R. C. Manejo ecológico do solo e da água. Caerdes, Bahia, v,3, p. 11-35.

PALAVRO, C. Agricultura e a História Brasileira. Safra, 2014. Disponível em: < http://revistasafra.com.br/agricultura-e-a-historia-brasileira/>. Acesso em: 27 de mar de 2021.

DAROLT, M. Agroecologia: Definição, lições aprendidas e desafios. Obema, 2019. Disponível em: < https://www.ufrgs.br/obema/agroecologia-definicao-licoes-aprendidas-e-desafios>. Acesso em: 27 de mar de 2021.

PRIMAVESI, A. M. Agroecologia e manejo do solo. Aspta, 2019. Disponível em; <https://aspta.org.br/article/agroecologia-e-manejo-do-solo>. Acesso em: 29 de mar de 2021.

FERREIRA. Rotação e sucesso de culturas. Blogs pot, 2001. Disponível em: <http://cultivehortaorganica.blogspot.com/2011/01/rotacao-e-sucessao-de-culturas.html >. Acesso em: 29 de mar de 2021.

SOUSA, M. O que são e quais as vantagens das plantas de cobertura. Ciclo vivo, 2020. Disponível em: < https://ciclovivo.com.br/mao-na-massa/horta/vantagens-plantas-de-cobertura >. Acesso em 29 de mar de 2021.

VIETES, R. G. Agricultura sustentável: uma alternativa ao modelo convencional. Revista Geografar, UFPR. Curitiba, v.5, n.2, p. 1 -12, 2010. Disponível em:< https://revistas.ufpr.br/geografar/article/download/20133/13317>. Acesso em 25 de maio de 2021.

ROSSET, J. S. et al. Agricultura convencional versus sistemas agroecológicos: modelos, impactos, evolução da qualidade e perspectivas. Scientia Agrária Peranaensis. Sop. Mal. Cedo. Rondon, v. 13, n 2, p. 80 – 94, 2014. Disponível em:<http://e-revista.unioeste.br/index.php/scientiaagraria/article/view/7351>. Acesso em: 25 de maio de 2021.

Downloads

Publicado

30/07/2021

Como Citar

DE AQUINO, M. D. H.; DE ALMEIDA, M. M. Y. . MANEJO ECOLÓGICO DO SOLO . Revista Interface Tecnológica, [S. l.], v. 18, n. 1, p. 276-285, 2021. DOI: 10.31510/infa.v18i1.1105. Disponível em: https://revista.fatectq.edu.br/index.php/interfacetecnologica/article/view/1105. Acesso em: 29 nov. 2021.

Edição

Seção

Tecnologia em Agronegócio